Acerca de mim

A minha foto
A SETA - Sociedade Portuguesa para o Desenvolvimento da Educação e do Turismo Ambientais é uma Organização Não Governamental de Ambiente (ONGA) com o estatuto de Associação fundada em 24 de Fevereiro de 2005, inscrita no IA. Vai servir este blog para partilharmos os nossos "Feitos" enquanto "Setistas" umas vezes "se/atisfeitos", outras nem tanto...

01 novembro, 2006

Era uma vez uma vaca...

Estava eu, linda vaca mertolenga pastando e mascando num montado ondulado lá pr’ás bandas da Cabrela, saboreando o verde que as copiosas chuvadas da semana passada fizeram crescer tenras na minha pastagem, quando...
Eles entraram, mais de 40, aos magotes, surgiram do lado da estrada de onde o nosso dono nos costuma vir ver, encabeçados por um barbudo com mais de um metro e oitenta que ia dizendo, venham por aqui, agora por aqui, e de vez em quando dirigia-me a palavra
– Olá linda ! Tens um menino muito lindo... Viémos visitar-te !
Mas que intimidades !
Quem lhe terá dado tal confiança ?
E os outros ?
Uns conversavam, outros tiravam fotografias, mas eles olhavam-me !
Olhavam-me com uns olhos muito fixos, grandes... Deviam ser maus...
Felizmente, como apareceram no horizonte do cercado norte, também desceram e saíram lá para os lados do bebedouro sul. Devem ter atravessado o rio.
Mas que susto me pregaram !
Já nem aqui na minha Cabrela posso estar calma e sossegada...
Qualquer dia ainda me fazem aqui um centro comercial à porta....
Já falei com as minhas comadres vacas e todas elas são unânimes, foi a primeira vez que nos aconteceu, e se eles tinham olhos de fazer medo...
PS: O meu dono veio cá dizer-nos que os ditos “turistas” tiveram imenso medo de atravessar o cercado ! Medo eles ? Medo tivémos nós ! Bolas bolas !
Vaca Josefina Cabrela dos Montes do Sado

2 comentários:

Anónimo disse...

Senhora Dona Vaca
Lamento imenso o distúrbio que causamos. A verdade é que nao gosto de entrar na casa de ninguém sem ser convidada. No entanto, quero dar-lhe os parabéns porque o seu companheiro é um boi de coragem e estava pronto para marrar no dito barbudo e no seu séquito...eu fiquei sim com medo! desculpe! Se formos de novo para esses lados, mandar-lhe-ei um fax a avisar. Um grande abraço.
A Lama "embotada"

Gaivota sorridente disse...

Dona vaca
Não sei se as suas palavras reflectem o pensar de toda a manada mas olhe que está enganada , o seu medo nada era comparado com a de alguns de nós ! Eu cá gostei de as visitar mas teria estado mais sossegada se o passeio tivesse decorrido do outro lado do cercado. Dê os meus cumprimentos aos seus familiares e fique certa de que voltarei à Cabrela ,terra de tão boa gente e tantos gentis animais.
Desta sua amiga voadora